domingo, 19 de setembro de 2010

Sobre a patologização do aprender






Queridos leitores, gostaria de sugerir a leitura de três textos que me chamaram a atenção recentemente e que estão afinados com as concepções de aprendizagem em que acredito. Estes textos nos fazem refletir sobre nossa atuação e sobre uma tendência que se torna cada dia mais presente, a patologização do processo de aprendizagem.  Acredito que nós, enquanto profissionais envolvidos com a proposta de promoção da saúde, acabamos muitas vezes contribuindo com este processo ao reproduzirmos discursos veiculados nos canais midiáticos, esquecendo-nos da complexidade envolvida no processo de aprendizagem, quando na verdade, deveríamos nos preocupar em reverter esta tendência, atuando como promotores de saúde e não apenas nos restringindo à confirmação de diagnósticos que pouco contribuem para a resolução real do problema... 





Boa leitura!!!

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário